OLHA QUE CLASSE

Mais um país na lista dos insolentes que estão querendo irritar os Estados Unidos: o come-quieto Canadá vai descriminar a posse e o cultivo de pequenas quantidades de maconha. Sensato, sensatíssimo.

Enquanto por aqui, hipócritas tentam nos convencer que fumar um baseado pode causar a morte da própria mãe (assim como deixar o chinelo virado, vestir roupa do avesso), o primeiro-ministro canadense, Jean Chretien, diz que a intenção é justamente a de não deixar marcado para todo o sempre o jovem que consome drogas, e combater o tráfico, por possibilitar o plantio de maconha para consumo próprio em casa. Não é muuuito mais razoável? Ou é melhor rotular, discriminar, ridicularizar, culpar e penalizar o simples usuário, ao mesmo tempo que se eleva à condição de pop-star os chefes do tráfico? Ah, faça-me o favor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s