Always and evermore

quem sabe, eu passaria aqui vez ou outra apenas pra contar umas coisas, de todo coração opinar veementemente, soltar um ou dois desabafos, ou desaforos; dizer ai, de como não gosto de tanta cor na roupa, de rostos hirsutos, enfeites natalinos com música, ou que não ligo nem um pouco pra movimentação de planetas no céu, e que muito pior do que não ver poesia nas coisas, é ver demais onde NÃO TEM.

mas o tempo é curto e a chuva, vem, into my arms, oh Lord, into my arms.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s